Como engajar o cliente a utilizar uma plataforma de gestão financeira?

Convencer clientes para adoção de plataformas de gestão

Para o profissional contábil, convencer o cliente a adotar uma plataforma financeira pode ser um verdadeiro desafio.

O contador até pode enxergar uma vantagem imediata nessa adoção, já que ela integra os dados contábeis da empresa, reduz o tempo operacional e elimina o retrabalho.

No entanto, não é difícil encontrar empresários que refutam a ideia por não verem benefícios diretos ao negócio.

Muitos deles acreditam que uma ferramenta favorece apenas o contador.

Então, como demonstrar ao empreendedor que uma plataforma de gestão financeira na empresa é, de fato, importante? Neste artigo, vamos entender as vantagens da adoção e os argumentos que você pode utilizar na hora de convencer um cliente.

New Call-to-action

Vantagens da plataforma de gestão financeira para a empresa

Não faltam vantagens em incluir uma plataforma de gestão financeira no processo da empresa. Isso significa que você pode reunir argumentos bem completos para empresário que apresentar resistência à adoção.

A seguir, elencamos sete benefícios dos sistemas de gestão que vão ajudar a convencer seu cliente. Confira:

1. Automatização de processos

Plataformas de gestão financeira automatizam tarefas burocráticas e repetitivas dos profissionais. Exemplos disso são as contas a pagar e a receber da empresa, que podem ser gerenciadas de maneira automática em um sistema de gestão.

Com a automatização, os processos ficam mais organizados, e o trabalho, mais simplificado, já que todas as informações do negócio são integradas em um único local.

O resultado disso, com o tempo, é o aumento do nível de produtividade e a redução de custos.

2. Armazenamento em nuvem

Sistemas de gestão financeira podem funcionar na nuvem. Ou seja, é possível ter acesso à ferramenta a partir de um dispositivo que possua conexão de internet.

As informações do negócio, desse modo, podem ser acessadas pelo empresário de qualquer lugar, sem que ele precise estar na empresa para verificar os dados.

Além disso, a nuvem gera mais segurança para o armazenamento dos dados, eliminando as chances de perder informações importantes devido a problemas em computadores ou comprometimento de arquivos digitais, por exemplo.

3. Relatórios financeiros

Produzir relatórios com informações financeiras fica mais fácil com uma plataforma de gestão.

Essas ferramentas são capazes de gerar relatórios automatizados sem que o empresário precise dedicar seu tempo à tarefa.

Assim, ele consegue destinar suas horas de trabalho ao que realmente importa: analisar os dados financeiros e das outras áreas do negócio e, a partir deles, tomar decisões com maior consciência e embasamento.

4. Controle financeiro

Todo empreendedor precisa saber para onde está indo o dinheiro do seu negócio.

Como todas as informações ficam registradas no sistema de gestão, é possível identificar se a empresa está fazendo bons investimentos, analisar onde estão os gargalos de custos e controlar o fluxo de caixa.

Essas informações são importantes para que o empresário, junto ao contador, possa fazer a projeção de investimentos e o planejamento financeiro de longo prazo.

5. Redução de erros

Só é necessário inserir os dados no sistema de gestão uma vez. Enquanto isso, outras atividades, como conciliação bancária, podem ser automatizadas.

Imagine a sequência de eventos: venda, nota fiscal, integração contábil, conciliação bancária, fluxo de caixa, estoque e relatório financeiro com um único sistema.

Dessa forma, reduzem-se as chances de falhas no registro de dados que poderiam comprometer a análise do negócio. O retrabalho fica no passado, e a margem de erro, em um nível mínimo.

6. Integração entre as áreas

A troca de informações entre os setores da empresa torna-se mais ágil a partir do sistema de gestão financeira.

Como todos os dados estão armazenados em um local único, erros de comunicação são praticamente nulos. O processo também é agilizado, uma vez que os colaboradores têm fácil acesso à ferramenta.

7. Integração contábil

A troca de informações entre o empresário e o contador precisa ser o mais eficiente possível para que o fechamento mensal ocorra dentro do prazo.

Mas são tantos documentos e dados, que transferi-los manualmente pode levar a erros. Uma plataforma de gestão financeira pode fazer isso automaticamente.

Como superar resistências do empresário

Embora a adoção de uma plataforma de gestão financeira traga benefícios, o contador ainda pode se deparar com objeções do cliente.

Por isso, destacamos também os cinco principais argumentos utilizados pelos empresários - e a resposta que você pode dar a eles. Veja:

1. “O lançamento dos dados no sistema toma muito tempo”

Pode até demandar uma atenção do empresário, mas o registro dos dados no sistema gera maior produtividade e inteligência estratégica.

Esse tempo é recuperado com folgas quando se calcula a integração e a capacidade analítica, que são possibilitadas pelos lançamentos na plataforma de gestão.

Em outras palavras, é melhor gastar um pouco de tempo na inserção dos dados e agilizar a integração e a análise das informações do que perder tempo realizando manualmente tarefas que poderiam ser automatizadas, como a produção de relatórios, por exemplo.

2. “Custa caro adotar uma plataforma de gestão financeira”

É claro que existe um custo envolvido na adoção de uma plataforma de gestão.

No entanto, há opções que se moldam completamente às necessidades do pequeno empresário, como o sistema da ContaAzul, por exemplo.

Ferramentas como essa são pensadas especialmente para pequenas empresas, que não dispõem de um orçamento alto.

Mesmo que tenha um pequeno custo mensal, a adoção de uma plataforma não deve ser vista como um gasto, mas como um investimento que gera benefícios para a empresa.

3. “As plataformas são difíceis de usar”

Nem todas as plataformas de gestão são difíceis de usar.

Pelo contrário: há várias opções simplificadas, que podem ser acessadas na nuvem e que possuem interface intuitiva. Essas ferramentas podem, inclusive, facilitar o trabalho do empresário, uma vez que deixam as informações organizadas.

Por isso, logo nos primeiros acessos, o usuário consegue identificar e utilizar os principais recursos da plataforma.

4. “Pode até funcionar, mas por que eu deveria mudar o processo da minha empresa?”

É justamente essa mentalidade que impede o crescimento do negócio. Estar aberto às mudanças é a primeira etapa para que a empresa melhore os processos e ganhe competitividade no mercado.

Lembre-se: inovação é fundamental hoje em dia. E ela não diz respeito somente aos produtos e serviços da sua empresa, mas à rotina produtiva também.

5. “Vou ter que recorrer a profissionais de TI”

É importante lembrar constantemente ao empresário que há excelentes plataformas de gestão que são simples e intuitivas para quem não domina a TI.

Além de contar com facilidade no dia a dia das operações, o empreendedor pode tocar por conta própria a implementação, com o suporte e a assistência da plataforma de gestão (e alguma orientação do contador, se necessário).

New Call-to-action

E aí, está se sentindo mais confiante para convencer seus clientes a aderirem aos sistemas de gestão financeira? Esperamos que este conteúdo tenha sido útil para você.

Quais argumentos você ouve com frequência de clientes que resistem a esse tipo de ferramenta? Deixe um comentário.

Quer acesso a materiais gratuitos exclusivos para Contadores?

Junte-se a mais de 100 mil profissionais e empresários contábeis e receba gratuitamente novidades e dicas sobre tecnologia, marketing e vendas para Contabilidade.