Contador formado também precisa estudar contabilidade

 

Contador formado também precisa estudar contabilidade

Seja um contador novato, seja um experiente, há algo em comum entre vocês: a necessidade permanente de estudar contabilidade. Mesmos depois da formação em Ciências Contábeis, essa é uma área que exige se manter atualizado. Quem para no tempo perde espaço no mercado.

Cadastre-se agora

A importância da qualificação profissional permanente

Você leu recentemente aqui no blog que o perfil profissional contábil está muito mais conectado com o futuro. Na oportunidade, colocamos a atualização como uma das características a compor esse contador ideal. E isso não foi por acaso. Vamos entender melhor?

Qualquer empresa hoje, independentemente da área em que atua, tem seu desempenho afetado por aspectos internos e externos. Na contabilidade, não é diferente.

Você deve conhecer o conceito da Análise SWOT, em português conhecida pelo acrônimo FOFA (Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças). Resumindo bastante, esse é um tipo de diagnóstico que identifica o que um negócio tem de melhor e de pior frente os concorrentes.

Mas o que estudar contabilidade e se manter atualizado profissionalmente tem a ver com isso? A resposta é: tudo. Você nunca se perguntou se há algo que pode fazer para otimizar os processos internos? E para se antecipar aos fatores externos, se posicionando à frente da concorrência?

Caso nunca tenha feito esse questionamento, faça. A simples dúvida é capaz de colocá-lo em movimento e tirá-lo de uma possível zona de conforto. Ela pode levá-lo à conclusão de que é preciso qualificar-se profissionalmente. Só assim pode fazer melhor do que faz e oferecer ao cliente algo melhor que seu concorrente.

Os ganhos gerados por essa atitude são vários, como veremos na sequência deste artigo. Eles aparecem, por exemplo, nos resultados do escritório, na produtividade e na sua capacidade de inovação.

Atualização ajuda a ganhar o mercado

O mercado está muito competitivo, você sabe bem. A contabilidade não está de fora desse fenômeno, principalmente com a chegada de novos profissionais a cada dia. São diversos egressos das faculdades de Ciências Contábeis espalhados pelo país, cheios de ideias, de motivação e de vontade de vencer.

O que une novatos e veteranos é o desafio de se manterem atualizados. Pois é isso que vai permitir que eles se mantenham atentos às oportunidades. Também vai possibilitar que compreendam os atalhos para apresentar ao cliente a melhor e mais rápida solução para os seus problemas.

Tenha em mente o seguinte: se você não fizer isso, alguém o fará. E o pior: ou roubará seu cliente ou conquistará alguém que tinha potencial para se tornar um.

Quer um exemplo? Já parou para pensar que sua linha de atuação pode estar defasada? Vamos supor que você se limite a oferecer serviços burocráticos, como a emissão de guias, a gestão da folha de pagamento e o cálculo do Imposto de Renda.

Mas seu colega contador, aquele que disputa o mercado com você, foi além. Ele estudou, se atualizou e identificou o verdadeiro nicho promissor da contabilidade atualmente. Como resultado, enquanto você perde clientes, ele ganha. Enquanto seu faturamento despenca, o dele decola. Por quanto tempo vai sobreviver assim?

Fique atento: as melhores práticas não estão restritas ao ambiente externo. Ao estudar contabilidade, você pode ainda se atualizar quanto à necessidade de ajustes internos. E isso, não custa lembrar, também se reflete nos resultados financeiros do escritório. É o que veremos no próximo tópico.

Estudar contabilidade torna a rotina mais produtiva

A tecnologia evolui tão rápido que, rapidamente, torna-se obsoleta. Isso vale para quem se formou há cinco anos ou há quatro décadas. Vale, também, para futuros contadores ainda em formação, cujo currículo ignora instrumentos e ferramentas capazes de auxiliar no cumprimento de tarefas do cotidiano profissional.

Muitos gostariam de atender mais clientes ou de oferecer maior agilidade com suas demandas. Mas aí olham para a sua rotina e desistem, pois lhes falta tempo. Há muitas tarefas e poucas mãos.

Em vez de se lamentar, que tal estudar contabilidade e ir atrás de soluções atuais, capazes de tornar o seu dia a dia mais produtivo? Para contadores antenados e atualizados, isso não é novidade, mas muitos ainda vivem presos a processos burocráticos, morosos e entediantes.

O melhor exemplo talvez seja a insistência no uso do papel, hoje descartável, até em razão das notas fiscais eletrônicas. Com tecnologia disponível, é quase imperdoável desconhecer como integrar seu sistema ao do cliente para importar informações que necessita. O que antes tomava um dia de trabalho agora se resolve em minutos.

O mesmo se aplica à organização da rotina. A profissão de contador é dinâmica e seu dia a dia cheio de atividades diferentes. Quem ignora a necessidade de estudar contabilidade e se atualizar também vira as costas para soluções.

Você sabia que existem softwares e aplicativos que ajudam na gestão do tempo e organização de tarefas? Se quer ter mais clientes, prepare-se para isso. Se deseja atendê-los melhor, você precisa se atualizar.

Inovar no escritório depende de conhecimento

Vamos fazer uma breve reflexão. Se há tantos atores disputando o mercado, por mais organizado e produtivo que seja, isso não representa um diferencial. Na verdade, tais características deveriam ser encaradas como condição básica para o exercício profissional. Então, o que fazer para se destacar no meio da multidão? A resposta pode estar na inovação.

Inovar é um conceito bastante atual, por vezes até banalizado. Tudo que é novo pode ser inovador? Depende dos resultados da ação, é claro. Em um escritório contábil, o importante é encontrar algo que o diferencie dos concorrentes. É o que faz seus clientes pensarem que você é único. Mas como achar a inovação perfeita?

Como abordamos neste artigo, há métodos diferentes para propor ideias inovadoras. Mas a efetividade de qualquer que seja a sua estratégia depende, necessariamente, de planejamento. E tudo começa, adivinhe só, pela atualização profissional.

Você pode abrir o escritório ao público nas madrugadas. Seria inovador, sem dúvidas, mas não fará isso sem estudar os efeitos da ação, concorda?

Repetindo: para valer a pena, é preciso conhecer, olhar para o mercado e se inspirar nas melhores práticas. A boa ideia pode vir do exemplo do próprio concorrente, de um segmento diferente ou até da contabilidade internacional.

Já ouviu falar de benchmarking? Essa é uma estratégia que vai no sentido justamente da observação e, a partir dela, propor suas próprias ações. Se tudo isso é novo ou incerto, está na hora de ampliar horizontes.

Quer começar a estudar contabilidade para inovar desde agora? Dê uma olhada neste artigo, no qual apresentamos algumas das inovações possíveis para escritórios e contadores.

Quer se atualizar? Descubra como

Vamos voltar à estudar contabilidade? Se você é um contador já formado, não necessariamente precisa cursar uma pós-graduação. Caso esteja na faculdade, se atualizar não exige realizar um curso de extensão. Ambas possibilidades são válidas, é claro, se o seu orçamento permitir. Mas veja só o que mais você pode fazer para se qualificar profissionalmente.

1. Busque todas as formas de conhecimento

O que você está fazendo agora é estudar contabilidade. Afinal, só chegou até este texto devido ao seu interesse em se atualizar. Perceba, com isso, que as oportunidades de aperfeiçoamento estão ao seu alcance. Em nosso blog, temos vários outros artigos que podem ajudar você. Mas por que parar por aqui?

Leia livros voltados à prática profissional, não apenas com cálculos, fórmulas, leis e normas. Veja obras voltadas à motivação, à produtividade, à inovação e ao enriquecimento profissional. Tenha em mente que tudo o que acumular em termos de conhecimento jamais será perdido. Na hora certa, você terá a informação que precisa para usá-la a seu favor.

2. Ouça, opine, debata

A internet é um mundo à parte. Se você souber separar o joio do trigo, encontrará no ambiente online diversas formas de se manter atualizado. Tanto nas redes sociais como por meio de fóruns de discussão é possível trocar experiências com colegas de todo país.

Esse é um exercício que ajuda de duas formas: ao mesmo tempo em que permite encontrar novas soluções para velhos problemas, possibilita ter no radar toda e qualquer mudança legal e normativa relacionada à sua profissão.

Não deixe, ainda, de visitar com frequência alguns dos principais sites da categoria. As páginas dos conselhos de contabilidade precisam estar entre seus sites favoritos. E isso vale tanto para o órgão federal (CFC) quanto o do seu estado.

3. Monitore as oportunidades

Por falar nas entidades de classe, seria um equívoco grande ignorar os cursos e eventos promovidos por elas. O CFC possui um programa de educação continuada e muitas das oportunidades são desenvolvidas pelos conselhos regionais.

A dica é começar visitando o site da entidade federal ou daquela que o representa em seu estado. Procure por uma área de desenvolvimento profissional. Veja que nessa seção devem aparecer diferentes opções de capacitação. Fique ligado na agenda de eventos, pois um ótimo seminário pode estar esperando pela sua presença.

Não deixe de conhecer também o que outros conselhos regionais disponibilizam para você estudar contabilidade. Um exemplo é o CRC do Paraná e seu programa Mais Saber Contábil. A iniciativa oferece cursos online e, a critério da coordenação, contadores de outras regiões podem participar.

4. Qualifique competências específicas

Especialmente para quem tem ou deseja ter um escritório de contabilidade, há certas competências profissionais que são imprescindíveis. A liderança é uma delas e representa um ótimo exemplo para destacar a necessidade de outra forma de qualificação. Estamos falando do aperfeiçoamento em habilidades não diretamente relacionadas à prática contábil.

Você deseja ser um líder melhor? Quem sabe precisa evoluir em práticas de gestão de pessoas? Ou talvez lhe falte um pouco de motivação no dia a dia, para benefício próprio e de seus colaboradores.

Seja qual for a competência individual que queira aprimorar, há diferentes opções de cursos. É verdade que muitos são genéricos, voltados a empreendedores e não especificamente para contadores. Mas você também é um dono de negócio, certo?

Para começar, vale consultar o site ou a unidade mais próxima do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Veja que oportunidades ele oferece para que você seja um gestor melhor no seu escritório.

5. Estude inglês

Ainda que você não tenha o sonho de se tornar contador público nos Estados Unidos, e nem mesmo atenda a clientes estrangeiros em seu escritório, aprender a falar inglês é muito importante.

Em primeiro lugar, nunca se sabe que oportunidade surgirá no futuro — e ele pode ser bem breve. Quando o momento chegar, você precisa estar preparado, concorda?

Em segundo lugar, no seu dia a dia, o inglês tem grande utilidade. Lembra de quando falamos antes que uma ideia inovadora pode surgir de um exemplo internacional? A verdade é que todo o tipo de material e leitura em inglês dá ao contador novos subsídios. Com esse conhecimento, você pode qualificar seu trabalho. E isso, você sabe, ajuda a satisfazer e a atrair clientes.

Toda hora é hora de estudar contabilidade

Neste artigo, apresentamos a você razões para que a atualização profissional seja um compromisso fixo em sua agenda. Não importa em qual estágio da carreira se encontre, nunca um contador sabe tudo sobre a sua profissão. Tenha a humildade de reconhecer que tudo gera uma oportunidade de aprender e evoluir.

Seja por meio de leituras e cursos, seja pela participação em fóruns online e presenciais, a todo instante portas se abrem. Você pode qualificar competências específicas, pessoais e profissionais. Independentemente da sua escolha, haverá benefícios evidentes.

Sempre que isso acontecer, acredite, o ganho será duplo. Ganha o seu escritório, com resultados de faturamento melhores e aquele empurrãozinho que faltava para crescer e dominar o mercado. E ganha você, que aprimora o próprio conhecimento e aumenta a capacidade de fazer mais e melhor pelo cliente.

A boa notícia é que você já começou ao chegar ao final deste artigo. Agora, só depende da sua disposição em dar continuidade a esse processo. Aceita o desafio?

Contabilidade digital: sabe quais são os primeiros passos?  Assista gratuitamente um vídeo com dicas práticas sobre como ser um escritório  contábil digital. Assistir Agora

E você, que estratégias tem adotado para estudar contabilidade e se atualizar? Comente!

Quer acesso a materiais gratuitos exclusivos para Contadores?

Junte-se a mais de 100 mil profissionais e empresários contábeis e receba gratuitamente novidades e dicas sobre tecnologia, marketing e vendas para Contabilidade.