Marketing para contadores: ferramentas e dicas para profissionalização

 

Marketing para contadores: ferramentas e dicas para profissionalização

Imagine que, muito em breve, grupos contábeis internacionais voltem seus olhares para o Brasil e desembarquem no país com a proposta de desenvolver escritórios de contabilidade e torná-los mais competitivos inclusive fora do país.

Nesse caso, você, contador do futuro, tem duas alternativas: fazer parte dessa rede e ter uma base administrativa e tecnológica sólida para suportar o crescimento do seu negócio ou estar preparado para bater de frente com a alta competitividade que será instaurada a partir desse novo cenário.

Cadastre-se agora

Entre as ferramentas de marketing para contadores disponíveis para driblar essa concorrência está a profissionalização, apontada pelo especialista em empreendedorismo, inovação e gestão Roberto Dias Duarte como uma das cinco megatendências para o setor contábil em 2016. Mas o que se profissionalizar tem a ver com ferramentas de marketing na contabilidade, afinal?

Simples: ao inserir mais profissionalismo nas atividades do seu escritório contábil, as pequenas empresas vão perceber ganhos evidentes na qualidade do seu atendimento, o que fará seu negócio ganhar muitos pontos e, principalmente, clientes! Isso pode ser conseguido por meio de ações como:

#1 Aprender a delegar

Quando um cliente liga para seu escritório contábil para tirar uma dúvida ou solicitar a realização de um novo serviço, é claro que ele prefere desligar o telefone já sabendo um posicionamento sobre o que foi solicitado. Acontece que a vida do contador é muito movimentada e nem sempre é fácil encontrá-lo no escritório, e é por isso que ele deve delegar tarefas mais pontuais para a sua equipe. Essa autonomia dada aos funcionários passa aos clientes a segurança de que as coisas funcionam bem sem depender do dono do escritório e transmitem a imagem de organização e produtividade, características básicas de negócios que prezam pela excelência no atendimento e agem com profissionalismo.

#2 Apostar na segmentação contábil

Não à toa, a segmentação também é apontada como uma das principais tendências no setor contábil para 2016. A estratégia de passar a atuar em um segmento específico faz com que o escritório se profissionalize em determinados assuntos, podendo se tornar, inclusive, uma referência para o tema e ser procurado por novos clientes por isso. Essa profissionalização no segmento fará com que você conheça as principais necessidades dos clientes e permitirá estar sempre informado sobre as novidades e tendências. Isso contribui para a oferta de um atendimento mais personalizado, posicionando o contador como um consultor de negócios para pequenas empresas.

#3 Elaborar planejamentos estratégicos

Profissionalização e planejamento são dois conceitos que estão completamente relacionados porque não, não é possível ter profissionalismo na sua atividade sem estar respaldado em metas e objetivos consistentes e em estratégias eficientes para se conquistar o que foi planejado. O caminho que deve ser seguido e os meios a serem utilizados para chegar lá são os principais itens que integram um planejamento estratégico. Grande parte das empresas costuma fazer a revisão do documento no final do ano, mas você pode atualizá-lo no período que for mais conveniente para seu escritório contábil!

#4 Utilizar técnicas consagradas de gestão

Condições internas e externas à empresa de contabilidade também são consideradas na elaboração do planejamento estratégico. Para se obter informações como essas e tornar suas estratégias mais assertivas, você pode se valer de ferramentas de gestão consagradas como a Matriz BCG, a Análise Swot e a Metodologia BSC para contabilidade. O objetivo delas é, respectivamente, compreender melhor o posicionamento dos serviços oferecidos pelo seu escritório no mercado, analisar a situação do seu negócio e do cenário onde ele está inserido e medir o alinhamento entre o planejamento e as atividades que estão sendo exercidas pela empresa.

#5 Contar com a tecnologia

Outro termo que também combina bastante com profissionalização é automatização. Isso porque, a partir do momento em que você padroniza certos procedimentos importantes, mas de baixo valor agregado, por meio da integração contábil — como a digitação de lançamentos contábeis de clientes, por exemplo , seu escritório passa a ser menos suscetível a erros, principalmente os causados por atividades manuais. O contador, por sua vez, passa a ter mais tempo disponível para colocar em prática as demais dicas deste post e levar cada vez profissionalismo ao escritório!

Contabilidade digital: sabe quais são os primeiros passos?  Assista gratuitamente um vídeo com dicas práticas sobre como ser um escritório  contábil digital. Assistir Agora

Para Roberto Dias Duarte, o novo movimento no mercado contábil mencionado no início deste post já está acontecendo e a tendência é que fique mais forte com o passar dos anos. Por isso, que tal começar a preparar seu escritório de contabilidade desde já? 

Quer acesso a materiais gratuitos exclusivos para Contadores?

Junte-se a mais de 100 mil profissionais e empresários contábeis e receba gratuitamente novidades e dicas sobre tecnologia, marketing e vendas para Contabilidade.